30.9.06

ri de passar mal...

From: reneferri

http://www.youtube.com/watch?v=reNEXCF0SXI

dona Judite

From: antonio.albuquerque

Rf,

Fui no www.imdb.com -você conhece esse site? Tem tudo sobre atores e artistas e vagabundos do mundo todo. É impressionante, mas não faço a mínima idéia como é alimentado. Você põe o nome de um atorzinho que fez uma ponta no Malhação e, bingo, tá lá. Ronaldo ou Margot explicam?- e, é claro, achei o nome do filme da Judy em inglês.
É impossível que você nunca tenha visto. Vivia passando nas madrugadas da Globo nos 70; "It Should Happen to You".
Na página da Judy H - http://www.imdb.com/name/nm0391062/ - tem alguns pgms de tv que ela participou.
Ainda na internet, descobri o nome em português (não sei se 'de época'): 'Demônio de Mulher' e que vai passar no cabo, Cinemax, em novembro. Eu não tenho esse canal, quem tem pra gravar?
De qq modo, o Carlinhos está convocado a comprar pelo menos quatro títulos da loira que não tem no Brasil:

Full of Life (1956) .... Emily Rocco
The Solid Gold Cadillac (1956) .... Laura Partridge
Phffft! (1954) .... Nina Tracey nee Chapman
It Should Happen to You (1954) .... Gladys Glover

29.9.06

RE: RES: RES: Decadance without Elegance

From: reneferri

Antonio e todos os futuros fãs de Judy Holliday,

A blonde, de dumb não tinha nada. Judy ficou célebre, entre outras coisas, porque possuía um QI de gênio. O caso dela é citado nos compêndios médicos.

Ela ganhou um Oscar em 1950, fazendo comédia, o que é muito raro. Mesmo assim, Hollywood e a TV lhe foram madrastas. A filmografia dela é reduzidíssima, como protagonista principal fez pouco mais de meia dúzia de filmes, vi uns 4 ou 5; na TV não fez quase nada — acho incrível que não tenham criado uma sitcom para ela, uma I Love Judy. Tudo isso por causa das ideologias políticas "exóticas" que defendia. Foi filiada ao partido desde garotinha.

Não me lembro desse filme do out-door... não seria 'O Cadillac de Ouro'? Há uns 4 anos vi 'Full Of Life' na TV, com Judy e um elenco de desconhecidos (para mim).

O que impressiona, também, em 'Bells Are Ringing' é o figurino: nunca vi tantos vestidos lindões num filme só! Agradeço a cópia de Nascida Ontem (é um Cukor, sim), mas esse já assisti e há um tempão estou sem videocassete. Estou ensaiando para comprar um DVDplayer...

Tenho 4 elepês com JH — fã é fã, né? 'Bells Are Ringin' trilha do filme; idem trilha da peça (com Sidney Chaplin); 'Trouble Is A Man' e 'Holliday With Mulligan'. Este último foi gravado nos 60 porém somente editado nos 80, é (li em algum lugar) o único de Gerry Mulligan acompanhando cantor/cantora. Eles foram casados nos últimos anos de vida dela; antes, Judy foi casada com Sidney Chaplin. Bem, até onde sei tenho tudo de JH em disco. Morram de inveja!

Curiosidade mórbida: Mulligan depois que enviuvou de Judy se casou com Sandy Dennis, que também morreu de câncer, em seguida.

Frase de Judy: 'Não podia ser nada além de comediante... as pessoas mal olham para mim e já começam a rir.' Era uma grandecíssima palhaça, nata.

rf que no momento está cantanto 'just in time' mentalmente, fazendo a parte de sidney chaplin... you find me just in time... before you came my time was running low, dear...

Re: RES: RES: pra matar saudades

From: carloscborges

Ganhar operacao de troca de sexo na porta da Esperanca eh luxo soh!
Vou aguardar a explicacao do Rene!

RE: Eles odeiam Jerry

De: "rene ferri"

Americanos não gostam de Jerry Lewis porque são um povo muito carola. E tenho dito

rf não é carola nem caçarola

RE: pra matar saudades

De: "rene ferri"

Ronaldo,

Outro dia (faz alguns meses, na verdade...), saí para almoçar e encontrei aqui na Barra Funda o Orlando Alvarado. Não tenho foto para provar, mas juro por Deus que é verdade!

Na ocasião, ninguém beijou ninguém, graças a deus...

René

RE: RES: Decadance without Elegance

Data: Fri, 29 Sep 2006 20:42:31 +0000
De: "rene ferri"

Por que será que houve essa reunião de Olivia e Leonard?

Por que não nos avisaram nem convidaram?

Leonard, mais velho, tá um misto de Carlo Mossy e Ministro Mário Andreazza.

Me lembro de um filme de terror, uma versão de Frankenstein, do início dos anos 70, com James Mason e Leonard Whithing. Foi o único filme que vi de Leonard (além de Romeo&Juliet) e ele já estava bem fora de forma. Achei que tivesse abandonado o cinema, que nem aquele garoto sueco de 'Morte em Veneza' que provoca um frisson em Gustave Mahler (Dirk Bogarde).

rf é fã de bogarde e james mason - e de visconti (não, não é o panetone)

RES: RES: pra matar saudades

De: Antonio albuquerque

Um tresloucado argentino, uruguaio ou paraguaio, ninguém sabe ao certo, que vivia pedindo pra gravar uma música do Baby Santiago (aquele negão do “Olha a Bruxa, a veia quer pegar criança pra fazer sabão ao ão ao” e do Adivinhão, lembra?), mas, acho que nunca conseguiu. Tentou um lugar naqueles shows no Paramount que deram origem ao Fino da Bossa, mas depois de um arranca-rabo com a Ellis (na época com dois eles) –eles foram parar na polícia-, desistiu.

Daí, ele se picou pro lado da Jovem Guarda, abandonou seus hábitos homossexuais e casou com um filho de um amigo da Joelma (e afilhado de seus pais). Ah, tava esquecendo, antes disso ele fez a operação de troca de sexo, operação essa que ganhou no programa Sílvio Santos, no quadro Porta da Esperança. Baseado em sua vida, Virginia Wolf escreveu a obra-prima Orlando.

Na verdade, eu só lembro da cara dele (vivia na porta da galeria do cine Olido) e que cantava Bienvenido Bienvenido Amor, se chacoalhando todo.O René tem que responder essa.

Re: Eles odeiam Jerry

De: carloscborges

AH, isso sao mesmo e mais: carolas, cacarola e sem calcola (estou no mac, sem acentos, fodam-se!)
Ao contrario do que a massa mundana e insana especula, as pessoas que os americanos menos gostam sao eles mesmos! Jerry eh a cara estatelada deles, ai eles ficam tentando acreditar que a verdadeira cara deles eh Tom Cruise, que ai fez uma porrada de caca e ai eles comecam a odiar o Tom Cruise.

Re: RES: pra matar saudades

De: carloscborges

Pelo amor dos meus filhinhos, quem eh Orlando Alvarado?

Re: RES: Decadance without Elegance

De: carloscborges

Nao convidaram a gente com medo que a forca de nosso time espalhasse pelo mundo o quanto eles estavam feios. Carlos Mossy eu acho assim, assim, mas o Mario Andreazza, mesmo coroa (ui!!!! ai!!!!) Ele era de extrema direita mas era muito bom de negocio. Esse filme ai do Mason com o leonard eu ateh posso ter porque minha sina eh comprar tudo que eh porcara em DVD que sai aqui. tem colecoes que tem 50 filmes por 20 dolares, pode? Vou pesquisar!!!! Aquele menino de Morte em Veneza sumiu mesmo. Um de meus ex, o Tito, que Antonio conheceu bem, era tresloucado por aquele menino e botou o nome do filho dele Tadzio, nome do personagem.

RES: pra matar saudades

De: Antonio albuquerque

Judy Holliday
http://www.youtube.com/watch?v=Ow3Vqq8ODpo

http://www.youtube.com/watch?v=5JHqYlNiFHk

c/ Dean Martin:
http://www.youtube.com/watch?v=9-pfiHFJIAU

RES: pra matar saudades

De: Antonio albuquerque

René,

Você não deveria dizer isso. Perdeu a melhor oportunidade de sua vida.
Você poderia até usar no seu epitáfio: aqui jazz René, aquele que beijou Orlando Alvarado.

Decadance without Elegance

De: "rene ferri"

Dean Martin morreu de tristeza.

O filho maluquete dele, Dino, que quando adolescente fez parte do power trio juvenil Dino, Desi & Billy e mais tarde se casou com aquela garota argentina (Olivia ?) que fez Romeu & Julieta com Leonard Whiting (onde andará?), entrou para a força aérea e se tornou piloto de jato. Um dia, Dino pegou o avião dele e sumiu. Restos do aparelho somente foram encontrados uns 2 anos depois e por acaso.

Nesse tempo, Dean Martin se consumiu.

Um disco de Dean Martin que gosto muito é a trilha sonora de Bells Are Ringing, com Judy Holliday

rf que acha Judy Holliday melhor humorista e dumb blonde que Lucille Ball (a mãe de Desi, de Dino, Desi 00& Billy)

RES: Tem xique xique no pixoxó

De: Antonio albuquerque

Não é nada disso. Tem gente linda que envelhece bem, Alain Delon é um exemplo. Tem gente feia ou mais ou menos que fica interessante depois de velho –Zé Trindade, por exemplo (to brincando, gente); por outro lado, tem gente que foi linda e paga um preço desgraçado com a idade: fica horroroso. É o caso dos dois –mesmo porque nunca mais vi fotos deles.

Só a gente continua jovem e bonito.

Preciosidade

De: Antonio albuquerque

Esse eu não assisti. Quero agora!

Judy Holliday

De: Antonio albuquerque

Ela morreu cedo, de câncer, foi acusada (acho até que era do partidão) de ser comunista e, acho, foi casada com o Gerry Mulligan (que fazia uma ponta no Bells are Ringin).

Carlinhos, você está intimado a comprar ou alugar o Bells are Ringin imediatamente. Essa lacuna não pode continuar.

Tem xique xique no pixoxó

De: CarlosCBorges

Discordo. Eu gosto de gente pré e pós 40, pós 50 e até mesmo pós 60. O importante é saber fazer o barulhinho bom e manter o humor sórdido. O resto, apaga a luz e entrega pra Deus ou o Diabo a quatro. E tem mais: Eu sei que cerca velha gosta de estaca nova, mas sei também que quem gosta de anjo é procissão e panela velha é que faz comida boa. Eu até concordo que esses dois "pioraram" muito, mas é porque os diabos eram bonitos demais, aí, não tem como evitar esse comparativo, mas eles estão passáveis sim, deixe de ser radical !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Decadance without Elegance

De: Antonio albuquerque

Ah, não tão não. Passáveis. Eles eram tão lindos que preferia não ter visto essa segunda foto.

pra matar saudades

De: "rene ferri"

Ando meio sumido (e desligado) porque têm chegado os e-mails somente com aqueles vídeos engraçadinhos. E eu não tenho paciência alguma para esperar que abram etc. Put the blame on me...

Não sabia dessa quase-biografia de Dean Martin e Jerry Lewis. Fiquei chocado com a foto de JL, todo inchado de remédios. É coisa que a gente espera nunca ver com aqueles que gostamos.

O meu Jerry Lewis é um cara bacana. Quando menino, via JL com aquelas roupas e achava que um dia iria me ‘vestir bem’, igual a ele. Achava o máximo da elegância casual aquelas Levis justas e curtas, o sapato baixinho, as meias estampadas. Todos usavam camisas justas e lisas, as de Jerry eram sempre folgadas e de estampa. Foi o primeiro cara a usar tênis com paletó. E camisas de gola alta coloridas com paletó xadrez folgado. Jerry influenciou a moda muito mais que Elvis, mas parece que somente eu sei disso.

O meu Dean Martin é outro sujeito admirável, com aquele jeito de quem nunca ficou sóbrio nem por 15 minutos desde que completou a maioridade, todo gatão, bon vivant, um encanto para as damas, uma simpatia irresistível e invejável para os cavalheiros. Dean Martin soube manter-se sempre 2 drinks adiante da humanidade. Deus o tenha.


rf gosta e tem discos de gary lewis (filho de jerry) & playboys, e de dino (filho de dean), desi & billy

Decadance without Elegance

De: Antonio albuquerque
Eu (e o Bivar, descobri outro dia) amo Bells are Ringin (Essa Loira Vale Um Milhão -era esse o nome em português). Tenho o disco e uma cópia (pirata) do filme. Quer emprestado?
Just one of those crazy things: Judy Holliday é a minha loira preferida. Nunca mais vi -nem vhs, nem dvd, nem em canal a cabo- aquele filme (quem lembra o nome. Você René?)que ela aluga um outdoor no Times Square e vira uma celebridade.
Ah, eu tenho também uma cópia (pirata) do Nascida Ontem (George Cukor, não era?)

Preciosidade

De: CarlosCBorges

Achei e me apaixonei e agora eu quero ver esse filme


Decadance without Elegance


De: CarlosCBorges

Entre as milhões de fotos que tem do Rat Pack achei essa daí a mais legal.
Vê se gostam!!!!
E mais: lembrei que tem algo que me identifica com esses pervertidos: Vegas!
Vegas é o lugar mais cool do planeta e é o meu mais frequente destino apolítico. Estou indo por lá sempre que posso. Às vezes até minto para mim mesmo que é a trabalho, mas nunca é. Eu adoro aquele ambiente alí, aquela cidade toda fake e maravilhosa.

Judy Holliday

De: CarlosCBorges

Taí, eu não manjo nada dessa loira e estou só prestando atenção. Será que eu já virei bolor?
Mas como quero agradar vocês, aí estão uma foticas


Decadance without Elegance

De: CarlosCBorges

A Olivia é Hussey e o Leonardo Whiting era o máximo de beleza imaginável em 1968.
Abaixo veja os pobinhos em 68 no filme de Zefirelli e 35 anos depois, em
2003. Até que ainda estão passáveis!!!!!!!


Eles odeiam Jerry

From: CarlosCBorges

Talvez eu agora entenda porque os americanos não gostam MESMO de Jerry Lewis.
O buraco é mesmo mais embaixo. Sempre me intrigou esse lance dele ter sido mega-popular nos 50 e até 68, 69 e depois caiu numa vala meio esquisita.
Sempre que ele aparecia era cercado de comentários ácidos e controversos, até que a Academia Francesa deu aquele reconhecimento todo e ficou meio perplexista ele jamais ser sequer convidado para as cerimônias do Oscar.
Ele é bem babaca colonizado, porque toda vez que tem chance, ironiza dizendo que a elite americana esnoba ele, mas os franceses não, e fica aquela picuinha ordinária entre franceses e americanos. Coisa bem michuruca mesmo.
Toda vez que você fala em Jerry aqui, tem muito mais gente torcendo o nariz do que qualquer outra coisa e os telethons da distrofia muscular, que arrecadam fortunas (esse ano, num único dia, foram 44 milhões de dólares) são frequentemente acusados de serem fraude e cover up. Isso é bem incomum aqui. As coisas de caridade dos artistas NUNCA são questionadas publicamente porque o povo acredita piamente na honestidade dessas iniciativas. No caso de Jerry, há muito mais desamor do que amor, dos yankees para ele.
Quero ver esse filme DJÁ!

Angie


De: CarlosCBorges

Tem isso tudo nesse filme, é ? Como é o nome do filme mesmo ? Quero ver, quero ver!!!!!
Para mim a linha mais elegancy do Rat pack nem passa por Shirley McLaine e sim pela ma-ra-vi-lho-sa Angie Dickinson. Que é a versão Beverly Hills de Dusty Springfield no visual.
Eu nunca tolerei Dean Martin (era ver ele e já sentia o bafo de onça), nem Sammy Davis Jr. e muito menos Peter Lawford (um looser de marca maior). Aliás, ví aquele filme da Bette Davis que ela faz duplo papel (irmã rica , irmã pobre) da fase dos 60, onde o Peter lawford faz até um papel interessante. Só para não arrasar de vez com o quase Kennedy.
Para mim eles eram apenas os chatíssimos sa'télites de Sinatra que, como bom carente profissional, tinha que se cercar de tietes. Vá lá que um de vocês aí vai me sentar uma tijolada na cara e dizer que eu tô tan-tan, mas foda-se. Aí entrou Ms. Dickinson (que viria a ser Mrs. Burt Bacarach mais tarde, em tumultuado e tórrido romance). O curioso é que eu ví um docuemntário sobre Sinatra e , é claro, tinha footage do Rat Pack e era narrado por Nancy Sinatra (demais!) e tinha depoimentos de todos da turma. O mais bonito desses depoimentos foi o de Angie. Sweet girl!!!!!!!!!

Decadance without Elegance

De: Antonio albuquerque

O Jerry era cool paca, concordo com você, René. Mas a fama de insuportável vem desde os anos 40. Acho que até com a Carmen ele criou caso -que deveria ser outra bisca (como todo artista, viu Carlinhos), mas era engraçada e católica (!!??)

O que me surpreendeu na história toda, na verdade, foi eu nunca ter ouvido falar em tudo aquilo: drogas, garota assassinada e que o sr. Martin havia se suicidado. Pelo menos é o que mostra o filme

Eu sempre gostei do Dean Martin –embora achasse que fosse o único fã paulista. Mas eu tinha uma imagem dele de machão, conquistador e bêbado, com aquela turma Rat Pack da qual eu sempre quis fazer parte. Como Shirley MacLaine, é claro.

Nunca um bissexual sofrido.

Nada contra os bissexuais. Eu até me caso com eles...

Decadance without Elegance

De: CarlosCBorges

Pois é, eu também fiquei chocado quando ví Jerry pela primeira vez após essa "transformação" causada pelos side-effects dos remédios. Imediatamente após ele se ver dessa forma, há uns 5 anos atrás, ele tentou o suicídio. Não é prá menos... (sorry)
O cara é mega estrela e tal e sempre foi, como vovó já dizia, "um pão", e se vê parecendo uma abóbora de Halloween.
Depois que você falou da questão influência fashion, a ficha caiu legal. Acho que você tem muita razão sim porque esse cara era, guardadas as proporções, quase tão conhecido e popular no mundo quanto Elvis.
Dean Martin eu nunca realmente conectei porque eu tenho esse problema mal resolvido com bebida (não de uma forma esquizofrência, mas quase). E Dean Martin, também como você falou, sempre foi Dean Martini 24/7. Eu devo ser muito careta mesmo, I am deeply sorry! Por favor, continuem a gostar de mim :-) - se é que gostam ha! ha! ha!

Outro drama que me tira o sono é o estágio atual de Aretha Franklin. Ela teve que se retirar COMPLETAMENTE do "olho público", porque está pesando mais de 300 pounds. E eu estive muito perto de realizar um dos sonhos de minha vida (Pelmex perde) que era estar pessoalmente com ela em Detroit em março de 2005. O encontro estava sendo arranjado por um Performing Arts Centers com o qual eu trabalho aqui e o CEO de lá, é meu amigo e fica impressionando com minha paixonite por Aretha. Eu estava convencendo ele a fazer um show com ela e Djavan - para público jazzy americano mesmo. Mas ele me disse que ela é tão complicada, tão louca e tão diva, que só mesmo um "approach" de fã poderia fazer ela aceitar cantar ao lado de um desconhecido como Djavan, ainda que o alagoano seja um nome com algum referencial no jazz americano, é bem residual, nada que chegue perto de Caetano e muitíssimo menos de João Gilberto, Jobim, Vinicius, etc, que serão nomes da estatura de Aretha, aqui nos EUA. Pois bem, estava tudo certo, passagem comprada e e-mails trocados com o agente dela, que permitiu até tirarmos fotos. Quando 3 dias antes chegou o cancelamento por "motivos pessoais". Como se trata de Ms. Franklin, no mesmo dia tava na Tv a notícia de que ela havia se internado numa "rehab" para pessoas que tem eating desorders em grau letal. Segundo "fontes", estava beirando os 350 pounds. Desde então Aretha NUNCA mais compareceu a evento nenhum e não se vê fotos "atuais" dela em lugar nenhum.


Vê só o comparativo Aretha 65 e 2005


28.9.06

Preservando o glamú

De: Antonio albuquerque

Carlinhos, vamos brigar?

Que graça teria a vida de estrelas se não fossem:

-as cabidadas da Joan Crawford nos filhinhos adotados;

-a dentatura de Clark Gable;

-o mau hálito e a falta de higiene da Marilyn Monroe –li um livro da empregada do Arthur Miller que dizia que ela ficava dias na cama; tingia os pentelhos da buceta, que inchava e precisava colocar bolsa de gelo; menstruava nos lençóis de cetim que ela, a empregada, precisava trocar toda hora;

-o priapismo do presidente Kennedy;

-A inundação de banha do Elvis Presley explodindo inocentes aparelhos de televisão;

-o mau caráter da Liz Taylor, roubando o marido da inocente (bem feito!) Debbie amiga

Cá pra nós, eu também adoro glamour, mas a gente precisa ter presente que a função (e a graça) dele é disfarçar que todo mundo peida.

Portanto, usando a lógica cartesiana, quanto maior a glamour, mais barulhento e fedido o peido.

Jerry Lewis

De: CarlosCBorges

http://www.rotten.com/library/bio/entertainers/comic/jerry-lewis/

pra matar saudades

De: Antonio albuquerque

O quequié essa foto da Bardot? Finalmente ela conseguiu ficar parecida com cachorro pequinês. Atropelado. Bem feito, quem mandou ela virar nacionalista, xenófoba, racista e intolerante. A natureza castiga. Tenho certeza que sua avó era muito mais bonita. Viva dona Feliciana!

Eu adorei aquele filme da vida do Peter Sellers. Mas eu já sabia "de antes" que ele era neurótico, louco. Também, pra casar com a Liza Minelli, normal não pode ser, né?
Aliás, talvez o Carlinhos saiba. O Jerry Lewis tá vivo, né? Andou doente, mas como funciona isso, quer dizer, ele não processa um filme como esse? Embora os nomes são fictícios, é tudo tão eles, usando até o nome teleton, que tudo mundo sabe foi criação da dupla.

Preservando o glamú

De: CarlosCBorges

É isso aí, Ronaldo, nada de expor "o lado podre" da vida artístiuca, até porque, tirando a ilusão da cena, o resto realmente não interessa mucho, né?
Tem uma caralhada de filmes dedicados a isso. Mas não me seduz não.
Elke é isso mesmo que você falou aí. Eu como não bebo, não sei o que é o porre e nem a ressaca. Será que eu já nascí bolor? Elke é um tipo especial de gente que a gente acha que, literalmente, vai virar purpurina no melhor sentido possível. Alegria, alto astral. mesmo naquele papel curioso em Pixote, ela tá DEMAIS!!!!!! Nunca foi aproveitada mesmo porque as "elites culturais" do Brasil acham ela pura e simplesmente uma palhaça drogada. Um chiste, uma dona doida.

pra matar saudades

De: ronaldo miranda

Antonio,
eu sei que é brincadeira, inclusive, depois que enviei a foto pensei que poderia ter dado continuidade à série "o dia que conheci Antonio Albuquerque", mas era tarde demais. Eu, apesar da idade [a minha, não a dela], amo a Elke, que sempre foi um ícone de esculhambação do sistema. Devo muito a ela. Não vi o filme da Zuzu, álias, há séculos não vou ao cinema e espero sair em dvd pra ver. Mas lembro da entrevista da Elke na Folha onde ela diz: foda-se, não quero saber da ressaca, quero saber do porre.
Por falar em porre e o dia que conheci Antonio Albuquerque tá na capa do UOL uma foto da Bardot, que envio aqui como contraponto pro video que enviei antes. Agora sim ela ta parecida com minha vó Feliciana. Como diria o próprio Gainsbourg, a feiúra, pelo menos, é eterna. :)
Quanto a esse outro filme do Jerry Lewis, vou atrás. Mas de fato é foda como esses ídolos se desconstroem na vida íntima, você aquele que conta a vida do Peter Sellers, ehr, "Vida e Morte de Peter Sellers"?
Só espero que o Sputinik tire a limpo nossas podreiras e que ninguém resolva contar tudo no pós vida.


pra matar saudades

De: Antonio albuquerque

Ronaldo,

Brincadeirinha, viu? Eu gosto da Elke. Você viu Zuzu Angel, o movie? Gostou da Luana Piovanni fazendo a dita? Achei o filme bem morninho, mas amei a Elke cantando aquela música que parecia Kurt Weill.

Outro dia li um comentário dela sobre o Sílvio Santos que disse tudo (a respeito de muita gente): "tem gente que é tão rica que só tem dinheiro".

Não é ótimo?

Pânico na Sessão da Tarde

Talvez o René ou o Carlinhos soubessem. Pra mim foi um choque. O Ronaldo e a Margot vão chorar.

Ontem aluguei um filme que, acho, só saiu em dvd: “Verdade Nua/When (ou where, não lembro)the Truth Lies”, com o Kevin Bacon. É meio a biografia do Jerry Lewis e o Dean Martin. O filme é bem mediano; os atores estão assim assim (o Kevin Bacon faz o Jerry, pode? Parece até filme nacional, que quase nunca tem direção de atores).

Tá tudo lá: o teletom, os shows nos bares. Mas, sinceramente, ver o Dean Martin tentar enrabar o Jerry Lewis; aquela garota morta no meio das lagostas; os caras mais chapados que a turma do Jack Kerouac...

Sinceramente, eu não sabia nada daquilo. Vocês sabiam?

Joguei fora toda minha coleção de Cinelândia. Chega de ilusão!


Ronaldo, já vi mais de 10 vezes aquele vídeo dos trapalhões.

pra matar saudades

De: Antonio albuquerque

Quem é que está com você na foto? É o Pardal????

Sortudo !

De: CarlosCBorges

Elke é demais. A louca mor de todos e, ela sim, a mais doce dos bárbaros!

pra matar saudades


De: ronaldo miranda

Essa é fresquinha.... saia eu pra almoçar e quem encontro no estacionamento?
Não resisti, e ganhei beijo na boca, além de um "lindinho".
É ou não é uma musa?

r

27.9.06

o dia em que conheci antonio albuquerque

From: ronaldo miranda

só não conta pra minha mãe



http://www.youtube.com/watch?v=1dNcxIG92e0

o dia em que a wop bop foi fundada

De: Antonio albuquerque

Imagens exclusivas: finalmente descobri o vt do dia que eu conheci o René e decidimos abrir a wop bop.

Pra quem sofre da vista, eu sou o cara enlouquecido de colete e o René de roupa branca, também enlouquecido.

http://www.youtube.com/watch?v=kjNFh5G-WEM&mode=related&search

baba baby

De: Antonio albuquerque

E tem outra: Baba Baby é poesia concreta pura, tá?

Haroldo Key



http://www.youtube.com/watch?v=AUvFEcCe0pA

26.9.06

Dusty!

De: CarlosCBorges

http://www.youtube.com/watch?v=CIPadTwun8o

http://www.youtube.com/watch?v=b_Bv2rSryy0

http://www.youtube.com/watch?v=95aM6mxuLhI&mode=related&search=

http://www.youtube.com/watch?v=eweP81AE6EY

Cromos de Terça Feira


De: CarlosCBorges

1 - Antonio comendo 2- Bibi Voguel 3- Postal que Antonio mandou um dia
4 - Capa do primeiro compacto de Cartola na Gravadora Mocambo
5 - O Sputnik 6 - Samuca em 2005 6 - Uns amigos aqui da vizinhança
7 - Sônia Lemos, cade? 8- RC na Sputnik 9- Yolanda Costa e Silva

O favorito lá de casa - cara pra bater

De: CarlosCBorges

Eu gostei do clipe mas achei a música em si muito lento, muito lenga lenga. O embarque no avião é um must. É, o "creepy" é mucho limpinho.

O favorito lá de casa - cara pra bater

De: CarlosCBorges

Gostei do primeiro 'creepy", que tem o super 8 do casamento. Eles são do Ceará, né?.
Lá em essa cultura da "releitura do brega", que é uma influência curiosa que o Fagner deu força (ele foi o cara que fez Falcão gravar e etc). Eu sei que o pessoal daís e cansou dos excessos de Falcão e ele veio aqui e foi uma bosta líquida porque ele não acredita em sí mesmo, é só uma avacalhação etílica (pobreza, enfim).
Mas eu tenho aquele primeiro CD de Falcão como uma relíquia e eu adoro pelo menos umas 5 faixas, o que nos Cds de hoje em dia é milagre dos peixes. Mas confesso que não sentí aquele friozinho de tesão absoluto. Vou continuar vendo e ouvindo. Já que somos amigos agora, eu cultivarei com você o mesmo hábito de tentar gostar do que meus amigos gostam para não ficar parecendo que eu sou cafona ou boko moko :-)
Você se lembra do Robertinho do Resífilis? Cadê ele? morreu também de tanta feiúra ?
Eu adorava aquele álbum "BOM BOM". Queria até ter de novo.

O favorito lá de casa - cara pra bater

De: Antonio albuquerque

Qual a sua relação -artística? Carnal? Canavial ou carnaval?- com o Cidadão Instigado?
Só pra chatear o Carlos Borges, eles poderiam gravar uma versão de uma música qualquer da Kelly Key. Que achas?
Eu amei o clipe.

O favorito lá de casa - cara pra bater

De: ronaldo miranda

3 momentos de Cidadão Instigado

o clipe, nem muito bom, de uma música nem muito assim assim
http://www.youtube.com/watch?v=Fj30sX2k7GQ

ao vivo, numa música doutro clima
http://www.youtube.com/watch?v=Fj30sX2k7GQ

e de novo
http://www.youtube.com/watch?v=q3m_8s4YXuw


aí eu digo...... melhor ficar por aqui
http://www.youtube.com/watch?v=WOQkTu3cXc4

Criaturas que o mundo injustamente esqueceu

De: CarlosCBorges

Em homenagem a todas essa grossas nuvens de amor, aí vai uma delícia incomparável dos anos 60, Françoise Hardy.

http://www.youtube.com/watch?v=s9TvvqtSgzk

Kelly Key mulher é essa?

De: Antonio albuquerque

É a história da minha vida:
http://www.youtube.com/watch?v=Q-c-8eKsoDA

O favorito lá de casa

De: CarlosCBorges

http://www.youtube.com/watch?v=m4021T1KVo0

23.9.06

fotoshop

De: "Antonio Albuquerque"

Lembrei quem é (ou era, pois deve estar bem diferente) o rapaz da foto com a
camiseta wop-bop: o Carlinhos, amigo do Wanderson, que morava em Santana, digo, Santa Teresinha.
Ele, o Carlinhos, tinha um irmão que se mudou para a Alemanha. O Wanderson, by the (my) way, mora em Curitiba e é meu irmão mais novo. Como ele quase nunca responde e-mail (a gente se fala e briga por telefone quase todo domingo), nem tinha me dado ao trabalho de incluí-lo na nossa lista de Schindler.
Como estou falando dele, fiz porque qui-lo, que se fosse carta, selava-o (???).
O que será que o Carlinhos faz da vida? Lembro que ele era bonito e naif pacas.
Momento Bin Laden: tenho uma camiseta wop-bop intacta. É aquela com um desenho do Patrício Bisso de uma vedete segurando o nome da loja (que todo mundo achava que era a Carmen Miranda). A camiseta foi feita pela firma do Amires (que, acho, continua morando na Califórnia), a Lizzard (será que é com dois zês essa porra?). Já usei uma vez no Ritz. Só o Samuca reparou.
Vocês acham que eu devo fazer um leilão? Doar para o Hospital do Câncer? Usar de turbante no carnaval da Bahia? Deixar ao lado da cama, como toalhinha íntima (extrapolei: essa é nojenta, concordo).

22.9.06

Criaturas que o mundo esqueceu

De: CarlosCBorges

Essa, com certeza, só rené me salva.
Cadê Suzy Darlen? Ela tá na lista das biscatinhas? Suzy darlen não era a de "Mama, ele está de olho em mim".? E a Denise Barreto era a de "Você não serve prá ser meu namorado"?
Essas duas e mais uma porrada de hits de segunda linha da Jovem Guarda eu sonho em ter mas não tenho. Por incrível que pareça, eu sofro por não ter "A Garota do Roberto" (Waldirene), "Brasa Viva"(Kátia Cilene) - de Kátia eu só tenho só "Manchinha no Lenço" e "Bilhetinho Apaixonado". Do irmão dela, Luiz Carlos Clay, não tenho NADA, nem uma foto para colar na parede. Ele era páreo duro para o Márcio Greyck.
Do Márcio Greyck eu tenho apenas o famoso álbum de estréia na CBS, que é o máximo e que motivou a decisão do Sr. Roberto Carlos em "botar a carreira do Greyck na Cônsul". Ele faria isso mais tarde com Ritchie, dizem as más línguas.
Não tenho nada dele da fase Polydor do Greyck, incluindo aí as bem sucedidas "Minha Menina" e "Beija-me Agora".
Também não consigo "Quero um Beatle de Presente", "O Leilão" e "Bang Bang" da serelepe Maritza Fabiani, e nem "Uni-Duni-Tê" e "Nunca me deixe amor" da Sandra. Esta última, versão de "I only want to be with you", de Dusty Springfield.
Sei que René e Antonio sabem de tudo isso aí (que me desculpe a juventude amada e transviada que compõe a ala jovem desse Politburo).
HELP ME RHONDA!!!!!!!!!!!

Estes são os SUCESSOS 2

De: Antonio albuquerque

Nossa, é o máximo de tudo essa colagem bricabraque do Logullo. É o nosso Andy Warhol.

Logullo, se quiser te empresto minha henna.

Só aqui mesmo


De: CarlosCBorges

Rapaz, eu tenho restrições severinas xique xique aos Estados Unidos. Não pensem que eu sou coió, mas tem coisas que eu amo e amo e amo e te amo mesmo assim, nação yankee. Uma dessas coisas é a absluta capacidade de rir de tudo, todos e de si mesmos.
A imprensa fake, a minha favorita e da Marinha também, sempre foi o meu ideal. Só que não precisava ser tão fake quanto a CNN, né? Pois bem, mando-lhes a capa de um dos meus petiscos favoritos, o World Weekly News, de uns dois anos atrás.

fóssil tectônico

De: CarlosCBorges

comercial + BISCATINHAS 7

De: Antonio albuquerque

Ronalditchu,

Você é o máximo. Quase mata a veia do coração. Adorei as fotos. O René tá lindo. E adorei ter rabiscado a minha própria foto na época, com aquela coisa do pt atrás. Uma prova de que minha intuição já era boa, quase premonição.
Juro que este fim de semana vou procurar aquela foto da gente na praia.

Estes são os SUCESSOS


De: CarlosCBorges

Saiu no World Weely News há um tempo atrás e eu guardei. É uma obra prima de imprensa fake, aliás, a única na qual eu acredito piamente Zadora

Pânico na Humanidade!

De: CarlosCBorges

1 - Não consigo penentrar no wop blog, cadê o KY desse blog?
2 - Não consigo me lembrar onde pus o elepê do Wanderley cardoso "Socorro Nosso Amor está Morrendo"
3 - Não consigo parar de ganhar idade
4 - Não consigo me conformar em nunca ter ido à Socimpro e conhecer Joelma pessoalmente.
5 - Não consigo entender porque nunca tive "Censurar Ninguém se atrave"
6 - Eduardo, me diga por favor: você tem algum produto do Químico Rigaud ?
7 - Estou pagando em euros algum sample do Pó de Mutamba.
Vocês não tem idéia da maravilha que eram (ou será que ainda são?) os produtos do Qímico Rigaud, fabricados na Praça da Sé, em cima da Rádio Excelsior da Bahia. Os produtos (é sério!) eram anunciados assim num jingle que rodou pelo menos 3 décadas na Bahia SEM NUNCA MUDAR!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

VENHA CÁ - Que alisa os seus cabelo duros sem queimar e fixa o penteado!
BABA DE BABOSA - Que deixe os seus cabelos crespos sedoso e macio, ele vai adorar!
VERNIZ DE AGRIÃO - não me lembro da frase
PÓ DE MUTAMBA - Alivia o tom escuro da pela parda queimada pelo sol
PASTA DE CACAU E PEPINO - Reativa o fescor de sua cútis e revela uma nova aparência

Enfim, o CREME RUGOL perde

O meu refrigerador ainda não funciona

De: "margot pavan"

puxa... pena que vc não tá pertinho.... vou ver com o ronaldo se funcionou com ele e se temos um jeito simples de ensinar...
bj


On 9/22/06, CarlosCBorges wrote:

Margot:
ATé abrí uma conta no BOL, até abrí um Blog no BOL mas não sei como upload nada no Blog You Tubinho. HELP ME!!!!!!

O meu refrigerador ainda não funciona 2

De: CarlosCBorges

Nem ligue! Prá começar sou seu fã desde que seu pai e mãe escolheram um nome tão escalafobéticamente sensacional. Nada pode ser melhor do que MARGOT PAVAN, a rumbeira que tem umas cadeiras elétricas!

O Sputnik não vai dar trabalho nenhum. O Anderson é da mesma canalha que nós todos e ele quer mesmo é rosetar (contanto que a mula não manque).
Eu por mim fico nos dois e em mais, se o véio aqui aguentar.
Mas o Sputnik só vai estar com a "carcaça" pronta daqui a uma semanas. Vá preparando seus bolinhos de bacalhau :-)

SPUTNIK: Spa Cultural: Templo de Vadiagem, Oráculo do Ócio Narcisista.
Viva Caetano Veloso, Rossini Pinto, Magalhães Pinto e Gérson Conrad, que sempre foi chegadíssimo num pinto.

SPUTNIK: Politburo da Anarquia: Dependendo para que lado o ovo acorde, pode até ser a favor de Bush (valha-me Santa Esquiropita!)

cb

Estes são os SUCESSOS


De: CarlosCBorges

Macacada:

Essa é uma das obras primas de Eduardo Logullo num dos Sputniks.
Agora falando sério. Para mim, Logullo sempre foi o farol do fim do mundo. Quando todo mundo estava indo com a laranja, ele nem se dava ao trabalho de estar voltando com o TANG.
Futuras f inas iguarias como essas serão liberadas mediande pagamento adiantado em euros, mesmo assim sob rígido controle de Helmut Pauducco Berger. Aos poucos, para serem sorvidas como o mais esquisito e licor de pau-peba.
E quem achar que eu estou enchendo demais a bola de Logullo, que ache!

21.9.06

comercial + BISCATINHAS 6

De: ronaldo miranda

Antonio, você é um gênio. Só que um gênio atrasado. Essa banda The Jackies já existe, meio que no formato que você mencionou. As moças gravaram em 2001 um único CD [que eu tenho!] produzido pelo Thurston Moore, do Sonic Youth. O som é uma merda mas o visual é bem legal. Só que isso tudo é mentira, eu apenas tinha que falar alguma coisa que fosse novidade pra vocês.

Por falar em biscatinhas, em 1985, agora é verdade, acho, eu já andava pros lados da fotografia e ganhei minha primeira câmera. E adivinha quais hordas eu frequentava e que foram meus primeiros [literalmente] modelos?
Envio pra por em blog, pra posteridade, pra matar saudades, pra masturbação, vocês decidem.

Deixo claro que a qualidade não é das melhores porque refotografei da folha de contato com minha câmera atual, que às vezes funciona como telefone. A foto do Antonio foi rabiscada pelo próprio porque ele se odiou. Deve ser porque ele preveu o futuro e o Gushiken atrás ia queimar o filme. A do Rene sem dúvida é a melhor foto do próprio [minha modéstia me espanta] já tirada. Esse moço com jornal eu não lembro o nome, mas a camiseta me faz uma falta danada hoje em dia.

De lambuja Carlos Genaro e Pardal mais Antonio naquela foto com uma criatura que o mundo esqueceu que eu mencionei, que foram tiradas numa outra sessão, sei lá quando, e por que.

Finalmente consegui ler tudo que vocês escreveram, apesar de não entender metade e não ter tido tempo de atualizar o wop blog.
Margot, por falar em blog, não consegui acessar "as internas" do you tubinho.... os caras não deixam, não querem que eu tenha mais um blog somado aos 34622 que já tenho no mundo.

Outra coisa, tenho um cd com as femmes de paris, rock anos 60, com um monte de biscatinhas pra vocês se divertirem, em qualquer das listas: Marie Laforet, Jacqueline Taieb , Eileen, Michelle Arnaud, Jocelyne, Annie Philippe, e por aí vai. Enfim, uma delícia.

E pra finalizar, um momento "mais que muderrno", muito especial:

http://www.youtube.com/watch?v=2ujKgX52IPA


bjs

r

comercial + BISCATINHAS 3

De: "rene ferri"

Antonio,

Tem certeza que, na foto, é Pierre Clementi?

Para mim é a Magic Paula, do basquete.

Já reparou que v. só vem aqui para dizer que estes e aqueles já morreram?

Cara, v. tem a maior vocação para agente funerário que já vi!

rf que quando era quase um petiz viu metade do time de basquete feminino do XV de Piracicada no Ferro's Bar e pensou se tratar de mera confraternização esportiva

comercial + BISCATINHAS 5

De: Antonio albuquerque

É claro que é o Pierre. Só não dá pra ver se ele está com aqueles dentes podres do Belle de Jour. Ele é cool pra caralho:
http://www.youtube.com/watch?v=-9uxFuWTsIQ
(de leve: como é Bela a Deneuve)

comercial + BISCATINHAS 4

De: Antonio albuquerque

São influências do Nelson Rodrigues.
Saiba que a primeira vez que estive em Washington, fiquei mais de 01 mês na casa da Célia (lembra dela? Minha amiga psiquiatra) sozinho, sem ter o que fazer.
Várias vezes tentei refazer o trajeto do enterro do Kennedy. Os seguranças da Casa Branca já me olhavam torto. No Arlington, fiquei um dia inteirinho. Vi várias trocas de guarda, com aquele enrola e desenrola bandeira; quase acendi um cigarro na chama do túmulo dele e chorei várias vezes.
Cada um com sua tara, né?
A minha ainda é -sonho antigo- formar uma banda, The Jackies, de garotas, todas de preto, vestidas como a Jackie Kennedy no dia do funeral, com e aquele véu cobrindo o rosto. A vocalista sempre de rosa, naquele Chanel que a Jacqueline usava em Dallas, no dia do assassinato, todo manchado de sangue, sempre segurando um maço de rosas.
O repertório: algo entre o punk e Jackson do Pandeiro.]

BISCATINHAS ou AS MULHERES QUE DERAM CERTO 3

De: Antonio albuquerque

Eu não sou Visconti não.

Nunca gostei do Helmut Berger. É claro que nos filmes do Visconti até a Florinda Bolkan fica bem.

Depois que o Visconti morreu, Helmut Berger abriu uma fábrica de panettone.

Põe a biba na lista das biscatinhas:


comercial + BISCATINHAS 2


De: Antonio albuquerque

Pierre Clementi morreu em 99, de câncer no fígado (onde mais poderia ser?)

Eu fui no Vodu de 7° Dia.

Ann Miller 6

De: Antonio albuquerque

Isso é pergunta que se faça? Como de que maneira Ann Miller era melhor que a Jane praia do Russel? É claro que artisticamente, porra.

Pra mim, essa gente não existe, não são humanos –e os poucos que conheci pessoalmente provaram isso.

Ann Miller arrasava na dança. Lembra dela em Kiss me Kate, aquele meta-musical de Cole Porter, onde ela dançava em cima da mesa –it’s too damn hot? É tão clássica essa imagem/cena que já virou clichê.

A Jane, amante do O Aviador, tem como vantagem o crédito (pra mim, folclore puro) de ter sido a responsável pela invenção do sutiã de bojo, que Howard Hughes criou dando vazão a sua tara por bicos de avião.

Como atriz eu adoro, mas não chega aos saltos da Ann Miller.

BISCATINHAS ou AS MULHERES QUE DERAM CERTO 2

De: "rene ferri"

Carlos,

Pode ser um fetiche meu, mas me parecia que Clementi e Berger, embora fossem caras muito diferentes, e um fosse gaulês e outro tedesco, tinham a mesma 'vibe'...

Vi 'Ludwig' sim, na época, e gostei muito. É um grande filme. Teve outro de Visconti, com Helmut Berger, Claudia Cardinale e Burt Lancaster, cujo nome em português me esqueci completamente, porque Sergio Augusto viu o filme no original e sugeriu (acho que no Pasquim) que o título nacional deveria ser 'Os Vizinhos do Barulho'... — e foi esse o nome que me colou na memória! O nome em inglês, colei do Google, é Conversation Piece. Se ainda não viu, veja!

A gente tem de pensar um pouco como pode ser o 'espaço sirigaitas'... acho que dá para começar com Shirley Temple, que quando cresceu encaretou brabo. Porém, menininha, era uma biscatinha safada, toda insinuante, toda coquete.

? Antonio tem a obrigação de saber a verdadeira história de Shirley Temple ?

rf que não gosta de hillary duff

Quem está esgotado sou eu 2

De: "rene ferri"

Nem sei o que dizer, Carlos Borges.

Tô pensando numa penitência, tipo jogar cinzas nos 25 fios de cabelo que me restaram e ir a pé até a Igreja de São Judas, no Jabaquara, e acender uma 'vela de 7 dias' para você e, na volta, uma vela para mim, na Igreja dos Enforcados, na Liberdade.

E só vou sair de casa com um saco de supermercado na cabeça, para mostrar minha vergonha.

rf é o mais crente dos ateus

comercial + BISCATINHAS

De: "rene ferri"

Carlos Borges!

Temos mais uma coisa em comum: sou parte da minoria silenciosa de maior idade que GOSTA de Cristina Aguillera. Ela canta bem e, ao contrário das outras biscatinhas, tem soul e entende o que está cantando.

O Fernando cantor-de-protesto seria o baiano Fernando Lona? Ele teve 'seu momento' quando ganhou um festival da TV EXcelsior cantando 'Porta-Estandarte', com Tuca.

Grande lembrança, o Pierre Clementi! — por onde andará? Eu confundo um pouco Pierre Clementi com Helmut Berger, misturo na lembrança os filmes de um e de outro. O Berger fazia filmes com Visconti e Clementi fez com Bunuel e Bertollucci. Gostava dos dois, grandes figuras!

Uma lista de sirigaitas e biscatinhas talvez fosse uma boa idéia...

rf
que anda precisando de fosfosol, memória falha...

BISCATINHAS ou AS MULHERES QUE DERAM CERTO

De: CarlosCBorges

Viva a Sociedade Alternativa! penso do mesmíssimo jeito sobre La Aguillera. Vamos então meter o nariz e mais lá que o valha e pesqisar biscatinhas ou "mulheres que deram certo". Haverá um parâmetro? Vale tudo? Já estou excitado (ui!) pode ser também chamado de "Espaço Sirigaita". É mais moderno e limpinho. Aguardo sugestões.

Não era o Fernando Lona não. Ele foi uma das criaturas baianas que o mundo esqueceu de se lembrar. Era outro. Antonio, que é um dos gueis mais sabidos da Apinagés & Apiacás tem OBRIGAÇÃO de saber. Ele cantava uns potestros linha existecialista Vandré, algo assim. me lembro bem, mas não me lembro o nome...

Helmut Berger foi uma das bichas mais bichas a atingir o estrelato. Ele transpirava bichice. Quer um exemplo, veja "Ludwig da Baviera". Em matéria de imperador bixa ele supera de 10 o tal do Alexandre o Grande e outros menos votados.

Pierre Clementi (A Bela da Tarde, Evangelho Segundo São Mateus) foi à sua maneira uma espécie de Johnny Depp dos anos 60. Era o maldito que todas aquelas biscatinhas intelectualóides e todas as bixas intelectualizadas queriam na cama.

Isso é tudo o que eu sei. Antônio tem obrigação de saber do resto e mucho más

Quem está esgotado sou eu

De: CarlosCBorges

E eu que pensava que vocês eram os meus melhores amigos...da onça!
A única forma de eu não ficar salmatizado ou em estado de kombi é conseguir al;gum tipo de cópia desse CD. Troco por duas figurinhas carimbadas do álbum "estrelas da TV Globo", da década de 80 !!!!!!. Só tenho essas duas duplicatas, uma é do Fofão e outra é da Cuca do sítio.

comercial 4

De: "rene ferri"

Não, não foi com ela que Johnnie Ray casou. Acho que vi fotos dos 2 juntos e cismei que tinham sido casados.

Johnnie Ray 'tinha hábitos homossexuais', conforme constava em sua agitada folha corrida na polícia.

O nariz Pinduca de Ann Miller não ajudava, mas quem iria olhar o nariz de alguém que tinha uns 2 metros de perna?

Há uns 2 anos consegui um elepê de Ray chamado On The Trail que é bem diferente do que a gente conhece. Nada daquela histeria, apenas canções 'western' calmíssimas, assobio, gaita, tudo light. Acho que foi o último que fez para a Columbia. Aí, o homem foi para a Liberty. Gravou um LP lá e mais algumas músicas em dueto com Timi Yuro — nunca ouvi, infelizmente. Depois veio a fase inglesa.

rf
que já foi muito fã de johnnie ray, em tempo idos...

Ann Miller 5

De: "rene ferri"

Rodney Gomes escreveu um texto para um livro sobre a série Batman (Sock! Pow! Crash! 40 Anos da SÉrie Batman, de Jorge Ventura) que ajudei a editar e que saiu há coisa de um mês e meio.

não estou de luto mas o Jorge Ventura deve estar...

rf

20.9.06

e-mail nunca mais!

De: "margot pavan"

queridos,
tb prefiro o formato de blog... acho legal essa coisa da passagem do tempo no post.
tentei registrar .http://sputnik.zip.net/ no blog do uol mas já existe.
dá pra ter um http://wopbop.zip.net - então fiz.

vejam só.
fui lá e abri o http://wopbop.zip.net e convidei todos vcs para poderem publicar tb.
não é muito complicado... quem não é uol vai ter que fazer um cadastro.
depois fica fácil e dá pra publicar até pelo celular.

o layout é um modelito que peguei no uol... quem sabe ronaldo agora se anima a fazer um novo...

tb dá pra importar tudo que o ronaldo já publicou no blogger.
se vcs quiserem entender melhor como publicar, a gente marca uma reunião no franz café que é hotspot e eu levo o notebook pra mostrar.

assim ninguém precisa ficar copiando nada... cada um publica direto.
e meu e-mail fica tranquilinho e volta a ser meu instrumento de trabalho!!!
;o))))

bjs

comercial 5

De: carloscborges

Eu só fingí o tempo todo que gostava do Johnny Ray. Gosto do tipo e, obviamente, dos hábitos homossexuais dele, que estimo eram mais ou menos como os que carrego comigo até hoje.
O vozeirão eu deixo de lado. Give me the creeps.
Foi Logullo quem me apresentou ele e também Julie London, que eu até gosto mesmo e tenho uma meia dúzia de canções, inclusive Desafinado. Very cool.
René, ver voce falando desse povo com tanta popriedade, meu filho, me dá um orgulho enorme de ser seu parente :-)
Quem também era loiro e tinha hábitos gueis era aquele cantor brasileiro de potresto dos anos 60, Fernando alguma coisa. René com certeza sabe.

Pro Ronaldo: amô fio do jeito que sucê tá só os ôme é que pode ti ajudá. Noriel Vilela na cabeça. Esses papos são coisa de cinquentão simpático, mesmo, cê tem toda a razão. Mas essa urticária vai passar e não vamos ficar falando só de Joelma e Joely. Também, falar de Jussara Silveira não tem graça nenhuma. Ela e Sylvia Patricia cantaram pela primeira vez num programa que eu fiz. Eu tenho esse clip, elas estao tão novinhas e mal maquiadas que vale a pena ver. Elas cantam uma música do maestro baiano Carlos Lacerda, chamada "Jiboeirinha". Olha, é um troço - me segura então!
Estou guardando esses "creepis" para o Sputnik. Mas vou entrar no blog wop blog sim, craro!

Eu confesso que tenho umas poucas paixoes de modernidade. Minha filha daqui (tenho duas, uma daqui e uma da velha Bahia) ODEIA Cristina AGuillera, mas eu não sei por que diabos, gosto daquela sirigaita (isso ela é).
E tem otras cositas más que gosto do tempo de agora, mas que eu sou bem assumido que sou do tempo antigo, lá isso sou sim. Peço clemência a Pierre Clementi. Não nos abandone. Somos como vampiras velhas, PRECISAMOS DE SEU SANGUINHO!!!!!!!!!!!!!!!!

cb

Ann Miller

De: carloscborges

Prá mim ela sempre foi uma aversão Herbert Richers de Jane Russell. Não importa quem nasceu primeiro.
Ambas tinham pernas demais, mas a Russell, por ser mais traveco, era mais nossa linha evolutiva da MPB.
Euaprendí a gostar da Ann Miller aqui, porque ela é uma super-ativa socialaite de Óliúde. Sempre alegrona e boa praça e super fofoqueira (mas na boa, só de levinho, qui nem nóis). Ela tá sempre aparecendo na TV, especialmente na PBS, que é o canal geriátrico da América.

cb

comercial 2

De: "rene ferri"

Ann Miller era aquela mulher cujas pernas iam até as orelhas...? e se casou com Johnnie Ray...?

Ann Miller 4

From: "ronaldo miranda"

Galega,

eu to pirando no lance desse papo, já disse, digo de novo. Aliás, confesso, perdi o bonde, até porque hoje é dia de pagar o cartão de crédito e tem futebol na Globo [pedras na Geni, please].

Mas então, se perdi o bonde tem um motivo besta, que é transferir toda essa coisa louca boa que deus dará [tô Chico hoje] pro antigo blog wop blog, fundado em 2004 e que tinha apenas um post até hoje. Post aliás que perdeu sua foto mas que volta.

Então assim; enquanto o Sputnik não alça vôo, vou colocando lá, ali, aqui: http://wopbop.blogspot.com/

Reparem, está bem defasado mesmo e não sei se um dia alcanço vocês.... mas tá andando e divertente. Reparem também que ainda não consegui "subir" as fotos, porque o servidor tá uma merda.


É isso, se eu alcançar vocês a gente se vê.

Ah, outra coisa, já que aqui o lance é cultura, morreu o Rodney Gomes, que dublava o Batman dos anos 60, tempo de vocês.....
http://www.melhoresdomundo.net/arquivos/004135.php#more

bacci

r

Criaturas que o mundo esqueceu 13

De: carloscborges

Os filmes da Atlantida, Cinedistri, PAM e demais "estúdios" brazucas passavam todos, indistintamente, na Bahia, onde Mazaroppi e Anselmo Duarte eram ídolos em seu próprio direito e território. Mas só passavam nos cinemas de bairro, nunca nos cinemas da "Cidade Alta", que só passavam fitas americanas e européias. Eu, como fui frequentador emérito do memorável Cine Roma, na Baixa do Bomfim, via quase tudo. Na verdade, foi a chanchada que me educou para os musicais cinemão. Ou seja, Antropofagia perde né?
Nada para mim será melhor na vida do que a cena do balcão de Romeu e Julieta com Grande Otelo e Oscarito. Nada.

Aliás, mudando de pau prá cacete, vocês se lembram daqueles filmes tipo "Mondo Cane"? - Nem sei se escreví essa joça direito. Eram filmes canalhas, mal-disfarçados de "documentários" mas que só mostravam perversão "around the world". Eu nunca conseguí ver um deles.

cb

A fada loira do iê iê iê

De: carloscborges

Eu conviví­ com a Rosemary quando contratamos ela para fazer o show de intervalo do Miss Bahia em 1986.
Ela era "very weird" em todos os aspectos. Falava baixinho, se distanciava de tal forma que quando você a cumprimentava ela "naturalmente" oferecia a mãozinha para ser beijada. Mas fez um grande show e foi aplaudida como Diva, porque a gente fez uma armação para que ela fosse ultra bem recebida. Na verdade, como público de Miss é composto por três tipos de pessoas - bichas, bichas velhas e bichas que já morreram e não sabem - a maioria da platéia tinha uma vaga no estacionamento da lembrança para a tal da Rose, que cantou com um vestido todo cravejado de lantejoulas vermelhas. Mas parecia Corisco, o Diabo Loiro. Mas funcionou. A gente é mestre de contratar artista "em baixa", por um precinho camarada e dar um banho de glamú nos distintos. Aliás, preciso de uma confirmação do nosso enciclopédico e amado René Ferry 'cross the mercy: Eu creio que o último show do Wilson Simonal antes de morrer foi aqui em Miami no Miss Brasil-USA. Tenho esse show em DVD e vou botar no You-tubinho. Foi em 1996. Estou certo ou errado?

cb

O mundo é um moinho paulista 3

De: carloscborges

Puxa, René, você seria perfeito nos dois papéis, melhor talvz no de Rossini Pitno, que eu conheci atraves de Lea na antiguissima CBS no centro do Rio. Ele era uma yayá! (falei que você é perfeito para o papel por sua imensa capacidade dramático-interpretativa, não por achar que você é uma yayá).
Esse filme vai sair, nem que seja feito na garagem do Dudu Richard Eberhard e com nossa turma fazendo TODOS os papéis, de Branca Ribeiro a Murilo Néri, de Denise Barreto a Sérgio Reis. De Leno a Lílian.
Por favor, que disco é esse "Censurar Ninguém se Atreve"?????
PORQUE EU NãO TENHO ESSE LONG-PLAYING??????????????????????????????????
O QUE É QUE EU FIZ DE ERRADO AO LONGO DE TODOS ESSES ANOS????????????
EXIJO UMA EXPLICAÇãO!

cb

Criaturas que o mundo esqueceu + O ANIVERSÁRIO DE JOELMA 2

De: carloscborges

Prá quem vivia fora do bafafá Rio-São Paulo ficava assim: você acabava consumindo o que era sucesso em ambos, mas desconhecia completamente os "periféricos". Exemplo: Agnaldo Rayol era paulistão mas era "nacional". Já Rinaldo Calheiros a gente só ouvia falar numa citação aqui ou alí, ou numa fotinha na Intervalo ou Revista do Rádio.
O que mais me vem à memória sobre Joelma são os B-52 que ela usava. Cabelões em cascata e quase cristalizados de tanto laquê. Quando eu andava na casa de uns amigos que moravam na Praia da Boa Viagem ( a de Salvador, of course) tinha um vizinho deles, um rapaz autista, que tinha fixação por Joelma. Sério: as paredes cobertas de posters e fotos. Isso eu me lembro bem. Ele ficava dizendo para todo mundo "Joelma, Joelma, oh, é daqui!" e fazendo aquele festo da época de pegar na ponta da orelha para dizer que era uma coisa boa, cool, whatever.
Acho que vou escrever uma longa carta de parabéns pelo natalício dela. Ela está VIVA? Eu não tenho nada de Joelma em minha coleção...so sad

cb

ENZA FLORI 2

De: carloscborges

Percebi­ que no CS que ela gravou pela Chanteclair em 68 tem a música "Bata Bata é Pau".
Que diabo pode ser isso?

comercial 3

De: Antonio albuquerque

Casado com ela, jura! O Johnnie Ray não era gay?
Quer dizer, se ele se casou com a Ann Miller só confirma isso.
O filme, que acho que foi o último dela, foi o Cidade dos Sonhos, Mulholland Drive (acho que o diretor levou uma palma de ouro e foi indicado ao Oscar 2003 ou 2003).
O mistério maior desse filme era o nariz da Ann Miller. Tava tão pequeno que ela ficou parecida com a mãe da Luluzinha, após cirurgia do estomago.
Mas o filme é maravilhoso, embora não dá pra entender a história. Mas, como tudo na vida, o que vale é a pose e o clima que ela induz.
Imagine o que Oscar Wilde faria com uma câmera, além de dar de presente para aquele lordezinho de meia tigela.

Ann Miller 3

De: carloscborges

Eu desconfiava que eu tinha visto ela no " In memory" do Oscar deste ano. mas eh tanta informacao que eu jah nao sei se gosto de voce ou se gostei. valeu para nao ficar falando de gente morta como se estivesse viva porque nao pega bem.
Ela era melhor que a Jane Russell? Em que sentido? Melhor como pessoa humana? :-) Melhor das pernas? ou apenas a melhoradazinha do alto do Peru?

Estou na Internet procurando algo de um filme latino que se chama PICA! Eh isso mesmo, se chama PICA!
(assim mesmo com a exclamacao, soh de que de cabeca pra baixo).
Claro que significa "coceira", mas eu nao sossego enquanto nao achar algo sobre esse filme, que eh uma comedia, creio que sobre os efeitos do po de mico nas cadeiras da Ninon e no coracao do rene

cb

Ann Miller 2

De: Antonio albuquerque

Não vai chorar, Carlinhos, mas ela aparecia... Depois que ela fez aquele filme com o David Lyinch (deve estar errado), o ano passado, se não me engano, ela bateu as botas. Digo, os saltos.

Bjs

Antônio

P.S. Mas ela era muito superior a Jane Russel...

ENZA FLORI 5

De: "rene ferri"

Não sei se são a mesma pessoa, mas podem ser primas. E, outra semelhança, ambas têm sobrenome de pizzaria.

Enza cantou muitas vezes no programa do Roberto e pelo menos uma vez no Show do Dia 7.

rf
vai de enza a adelaide chiozzo

Criaturas que o mundo esqueceu 16

De: "rene ferri"

Putz,

Vi vários deles, iclusive um que era a história de uns caras que estavam rodando um filme desse tipo.

Tais filmes, sempre com trilha a moda Riz Ortolani, podiam ser canalhas e perversos mas tinham 'clima'. Derivaram do sucesso de 'Europa de Noite' e do próprio 'Mondo Cane'.

Hoje, eu não os veria mais. Não tenho mais estômago para ver qq cena de violência e perversidade no cinema, simuladas ou não.

rf é 'censura livre'

A fada loira do iê iê iê 2

De: "rene ferri"

Acho que v. está certo, mas mesmo se não estiver, se colocar Simonal no youTube vai bombar!

Simonal tem um fã-clube imenso e cada vez maior no exterior. Nada mais justo para o maior artista brasileiro no palco depois de Carmen Miranda.

rf que é fã do simoninha, também

comercial

De: Antonio albuquerque

O comercial abaixo com a Ann Miller, da década de 70 (se lembra Carlinhos, nos a vimos na Broadway, na peça Sugar Babies junto com o Samuca e o Carlos Genaro?), foi enviado pelo Patrício Bisso no dia 15.

http://www.youtube.com/watch?v=EYEUwCoidIc

O mundo é um moinho paulista 4

De: "rene ferri"

Carlos,

Mal posso esperar para fazer Rossini na fita.

Censurar Ninguém Se Atreve foi um elepê porreta que editamos em 1988/ 89 com clássicos do rock brasileiro. Foi um trabalho insano, levamos quase um ano para concluir, e só conseguimos graças ao empenho de uma turma de entusiastas do Rio de Janeiro, que incluía Albert Pavão.

O disco (mil cópias) esgotou em 3 / 4 meses. Não sei porque v. não recebeu a sua. Não me culpe!

Foi editado em CD há uns 4 ou 5 anos (também esgotou).


rf que ninguém se atreve a censurar

CHIL DEBERTO 2

De: "rene ferri"

Carlos,

Chil Deberto compôs muitas músicas gravadas pelo pessoal da jovem guarda, inclusive Wanderléa.

Ele foi o primeiro empresário (com Moracy do Val) dos Secos & Molhados e fez muita coisa em música!

Criaturas que o mundo esqueceu + O ANIVERSÁRIO DE JOELMA 3

De: "rene ferri"

Cara,

grande história essa do autista com fixação em Joelma!

eu e Antônio éramos associados da Socinpro, a sociedade arrecadadora de produtores fonográficos (que era, acho que ainda é, dirigida pelo Tony Campello); então, de vez em quando tínhamos de ir nos escritórios da Socinpro, na Vila Buarque, e conversávamos com a secretária, a Joelma!! Isso no final dos anos 80.

talvez ela esteja ainda secretariando a Socinpro, who knows?

rf é autista com fixação em carlos borges

ENZA FLORI 3

De: "rene ferri"

Carlos Borges,

Tua pergunta chegou com 20 anos de atraso. O compositor, Chil Deberto, era um bancário, um tiozinho de cabelo tingido e lentes de contato que ia muito lá na Wop-BopAntônio deve se lembrar dele, que era muito 'gente boa'.
Somente Chil Deberto, acho, poderia nos responder que catzo é "Bata Bata É Pau"!

rf que nunca teve balls para essa viadagem de pintar cabelo

Anderson se manifestou! 4

De: "margot pavan"

que delícia!

Criaturas que o mundo esqueceu 15

De: "rene ferri"

'Chutei' que era Sonia Mamed porque vi pelo menos um filme em que ela aparece 'rumbando'.

rf que NÃO TEM um tufão nas cadeiras

Frog Brothers 2

De: Antonio albuquerque

Correção: (os dois usam óculos) o de camiseta vermelha, que fica no fundo, esse é o máximo (o outro, que é a cara do Mário Covas, também)

Frog Brothers

De: Antonio albuquerque

Margot

Uma pausa nas velharias: dá uma olhadinha nesses dois garotos. O de óculos não é o máximo? A criançada vai adorar.


http://www.youtube.com/watch?v=BgoOihBb78w

ENZA FLORI 4

De: Antonio albuquerque

Juro que não conhecia a Enza. Já virei fã.
Só uma dúvida (após ver as fotos da moção): Enza Flori e Laura Finocchiaro não são as mesmas pessoas?

Anderson se manifestou! 3

De: Antonio albuquerque

Margot,

Pra criançada brincar de Pollock:

http://jacksonpollock.org

O mundo é um moinho paulista 2

De: "rene ferri"

Olha, para esse filme, eu me candidato a fazer o papel de Rossini Pinto. Se não der, faço o de Othon Russo. OK?

Rosemeire fez sucesso em S.Paulo, sim. A música 'Igual A Ti Não Há Ninguém' versão de um hit de Rita Pavone, tocou à exaustão.

Quase que nosso disco Censurar Ninguém Se Atreve não saiu por causa de Rosemeire que, depois da Continental nos dar OK para usarmos o fonograma de 'Eu Sei', a primeira gravação da moça, ela pediu para a Continental retirar a autorização alegando que o disco iria 'prejudicar minha imagem de estrela', palavras dela. Isso foi em 1988.

Na época da Jovem Guarda dizia-se que Rosemeire namorava um dos caras dos Jet Blacks, o baterista Jurandir, que tinha o dobro da idade dela.

rf que de mais a mais, prefere waldirene

CHIL DEBERTO

De: CarlosCBorges

Vamos torcer para que ele capte nossas vibrações e responda...
Para mim ele é demais porque ele compôs com Eduardo Araújo "Com Muito Amor e Carinho", que eu gosto pacas :-)

Criaturas que o mundo esqueceu 14

De: CarlosCBorges

Consultei meu pai-de-santo e ex-cantor da Jovem Guarda carioca, Jordan Leite (foto abaixo) e ele - que está excitadíssimo com a possibilidade do Sputnik, me confirmou que a rumbeira era mesmo a Niñon. Ele é das aantigas também e gosta do ziriguidum
Ao lado dele, a Sonia mamed que tanto amamos

cb


ENZA FLORI

De: "rene ferri"

Enza entrou na minha lista de CRIATURAS...

V. disse que não lembrava, então, dê uma olhada na página:

http://www.jovemguarda.com.br/discografia-enza-flori.php

Levei um susto em ver que Enza lançou um CD em 1998.

O aniversário da moça foi no último dia 2.

Parabéns, Enza.

rf é fã de todas as cantoras paulistanas que parecem saídas do Brás

Youtubinho e o guei 4 estrelas 6

De: "rene ferri"

Antonio Albuquerque,

O SENHOR NÃO TEM DE FICAR JOGANDO ISSO NA NOSSA CARA!


rf que morre de ciúmes de quem corteja seus ídolos

Criaturas que o mundo esqueceu + O ANIVERSÁRIO DE JOELMA

De: "rene ferri"

Antonio,

Difusora, acho que não. Mas havia a Rádio São Paulo na 24 de Maio, ficava naquele prédio em cima da Casa Manon.

Alguns artistas faziam grande sucesso nas 2 praças, a Ângela Maria, por exemplo. Mas Marion, Neide Fraga e Cleide Alves não tocavam aqui. Idem Roberto Audi, Bill Farr, Ted Moreno. Posso citar dezenas que eram desconhecidos em SPaulo. O próprio Roberto Carlos demorou uns bons 2 anos para começar a tocar aqui.

Eu vi as caras na Revista do Rádio e depois tentava ouvir na onda curta.

Hoje é aniversário de JOELMA, dia 22 (olhaí Carlos Borges), o de VANUSA


rf que quando petiz passou noites em claro ouvindo rádio, escondido dos pais

Criaturas que o mundo esqueceu 12

De: "rene ferri"

Ah não! os filmes nacionais entravam em todos os cinemas do centro e dos
bairros, tanto os produzidos no Rio quanto os paulistas. E os cinemas
lotavam...

rf via filmes da Cinedistri e da Maristela, sem qq preconceito

Criaturas que o mundo esqueceu 11

De: "rene ferri"

Rumbeira?

Não seria a Sonia Mamed? Tô chutando...

Concordo cOntigo sobre o baiano Zé Trindade. Gosto muito dele. 'Massagista de Madame' eu assisti, é com Renata Fronzi, né? O 'Chuva de Brotos' seu eu vi, não me lembro... estou vagamente lembrado de um filme em cores com Zé Trindade, seria esse?

rf é fã de Ankito, também

To Sir Henê with Love + AMANTE ARGENTINA

De: "rene ferri"

Bró,

Aquele link para o sítio de cinema mexicano foi um presente SENSACIONAL. A
família agradece. Gratíssimo.
Descobri que, ora vejam, Maria Antonieta Pons não era mexicana, mas cubana!
Sei lá como pude viver até hoje sem saber esse detalhe.

A coleção de gatas (mais a cachorra) em anexo está demais. É a primeira vez
que vejo foto de Chavela Vargas jovem... e linda. Não é à toa que por ela d. Kalo ouriçou as sombrancelhas e o buço. Eu disse BUÇO!
E tem 2 argentinas na parada, Libertad Lamarque e Isabel Sarli... esta era casada com Armando Bó, que produzia, dirigia e atuava em seus filmes. O gigo.., ops, o marido, se não me engano, ajudou a construir a frase 'Dá mais despesa que amante argentina', que até hoje faz parte de minhas frases feitas preferidas.

rf que nunca teve amante argentina... graças a deus!

19.9.06

Criaturas que o mundo esqueceu 7

De: CarlosCBorges

E aquela rumbeira, que dançava nos filmes da Atlântida com Zé Trindade e com Oscarito ? Ela é DEMAIS!!!!!! Eu tenho uns filmes com ela.
Aliás, para mim Zé Trindade sim, foi supoer "underrated". Ele é FANTÁSTICO, especialmen te contracenando com Renata Fronzi , Derci e Zezé Macedo. estou atrás dos filmes dele, tipo "Massagista de Madame" e "Chuva de Brotos", este último raríssimo e que aparece em alguns fósseis bibliográficos como o último filme dele, produzido por J.B.Tanko.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?